sábado, 15 de dezembro de 2012

Fecho os olhos e imagino... Imagino os teus braços entrelaçados entre o meu corpo. Imagino o teu respirar no meu pescoço, e os teus lábios que me beijam na face, quando de repente dizes: Bom dia anjo. Quando da nossa concha eu desfaço, e viro o meu coração para o teu. Belisquei-me por momentos. E voltei a piscar os olhos. Estavas ali, com os teus escuros e cintilantes olhinhos semi-abertos a contemplar o meu rosto e o meu cabelo descabelado. O teu abraço que me estalou as costelas, encheu o meu peito de alegria. 
Finalmente... Voltei a abrir os olhos e imaginei.. Continuas aqui.